top of page

Os Seres de Orokaba

Olá, meus caros amigos. Com o advento do lançamento e da premiação de meu livro Moara, a Princesa dos Incas, que aborda o relacionamento entre as culturas originárias de nossa terra e os seres enigmáticos de Orokaba, senti a necessidade de uma melhor explanação do que seria esse fantástico universo.



O Mundo dos Encantados


Orokaba, o Mundo dos Encantados, trata-se de uma região dimensional interligada ao nosso mundo por portais místicos e transcendentais. É uma terra de aldeias e reinos exóticos, povoada por seres diversos e de aspectos surpreendentes. Criaturas, cujo contato com os povos nativos do mundo dos homens, originaram toda uma gama de lendas e superstições que ainda hoje povoam o imaginário popular: cobras gigantescas, caboclos d'água, capelobos, lobisomens e mapinguaris, entre tantos outros.

Em Kulkucaia, a bruxa, o primeiro volume de uma série criada pelo autor e intitulada Bruxas, encontramos o seguinte relato:

“Duas árvores avermelhadas surgiam à frente e, embora estivessem em margens opostas, suas copas se encontravam formando um teto. A embarcação passou por baixo dele e pareceu a todos haver penetrado em outro mundo. Uma claridade amarelada tomava conta da paisagem, a selva tinha um verde mais intenso, as águas pareciam mais negras, e o ar era adocicado.

— Estamos em Orokaba, o Mundo dos Encantados! — disse Anhangá aos companheiros de viagem, que se olharam admirados. ”



OS Reinos e os seres de Orokaba

Nove são os principais reinos ou regiões, que podem ser identificados no mapa a seguir com seus respectivos governantes (na época em que ocorrem os relatos mencionados nos livros Moara, a Princesa dos Incas e Kulkucaia, a bruxa ): O reino das Águas- Nhandeara, regido pela ninfa Iara; a Colmeia, cidade das abelhas, regida pela Rainha Iramaia; Popalla, o país dos Guarás governado pelo Monarca Guaraú; reino dos Capelobos, Xuclotal, pelo Rei Arishen, depois Zaplotech, o usurpador; Vale de M’boi, terra do povo cobra, liderado por Boiuna; Reino dos botos, pelo Rei Ubaldo, o belo; País dos Gigantes, regido pela rainha miota Indira; Tlapanaloya, principado dos mambiras, liderado pelo monarca Chimalba e por último o longínquo império das sereias, onde se localizam as prisões do mar, governado pela nereida Calianira.



Resumindo, Orokaba é uma terra localizada em uma dimensão adjacente a Pindorama, o mundo dos homens. É lar de figuras lendárias como Iara, Boiuna e Caipora; de raças enigmáticas como os homens-guarás, os botos e os capelobos; de reinos e cidades fantásticas como Xuclotal, Popalla, Nhandeara e a Colmeia, terra das ninfas do mel e suas abelhas gigantes. No intuito de abordarmos os principais grupos que compõem esses povos, a partir dessa postagem iniciaremos uma série: Os Seres de Orokaba e desde já os convido a trilharmos juntos os íngremes caminhos que nos levarão a esse fantástico mundo e que as bênçãos de Pachamama nos ilumine em nossa caminhada.

A seguir:

1- OS capelobos

2-Os homens-guarás

3- Os homens-jacarés

4-Mapinguaris

5- Zangões e mulheres-abelhas

6-O povo cobra de M'boi

7-Os homens-mambiras

8- As ondinas e os botos de Nhandeara

9- Miotas e gigantes

10- A floresta dos Adormecidos

11- As Sereias e as prisões do mar

12- Os bruxos de Orokaba.


Abraços fraternos,

Alexandre Menphis.


81 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page